Investigação – PM vai apurar conduta de policiais que atiraram e mataram francano

Por Vanessa Rezende, Do Informe Franca

04/02/2021 | 5h57

A cidade de Franca está em choque, e não se fala em outra coisa.
As pessoas querem saber e entender, o que levou policiais militares da Força Tática, atirarem para matar um rapaz nesta semana.
O crime, bárbaro, aconteceu na terça-feira, 2.
O rapaz estava sentado na calçada de uma padaria, usando o seu celular,
e tinha costume de frequentar o lugar.
De repente, por razões ainda a serem apuradas, policiais o abordaram, e logo, houveram uma série de situações que ninguém soube explicar como se desenrolou.
Versões contraditórias, vídeos que circularam nas redes sociais, 10 tiros disparados pela polícia contra o rapaz que morreu, deixando uma filha ainda criança.
Perguntas que a cidade clama por respostas e que a PM, deve averiguar.

A Corregedoria da Polícia Militar, vai investigar a conduta dos agentes que foram envolvidos na ocorrência,
devem também tentar entender, o motivo da abordagem.
Se o homem agora assassinado, estava ou não armado.
Policiais disseram que sim, e que por isso atiraram.
Todos na padaria, relatam que ele era uma pessoa de bem, pacífica, e que não usava armas ou drogas.

Funcionário exemplar, trabalhava numa peixaria na cidade de Franca, na região da Avenida Brasil,
e estava recentemente se preparando para tirar carteira de motorista.