Fake News – INSS não pagará abono de R$ 2000,00 para segurados no fim do ano

Por Carolina Winter

Informe Franca – 24/08/2020 | 7h

De maneira equivocada e falsa, sites estão divulgando e induzindo as pessoas a acreditar, que em dezembro de 2020 o INSS vai pagar um abono extra no valor de R$ 2000,00 para
os seus segurados.
Nessa tese, teriam direito ao benefício, aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social.
Mas a informação é inverídica, segundo declara a própria Assessoria do INSS.

Existe um projeto de lei, que está parado no Senado Federal, que pede um 14º salário para os aposentados e pensionistas neste ano,
pois eles já receberam de maneira antecipada o 13º entre os meses de maio e junho, por causa da pandemia.
Porém, o projeto ainda nem foi discutido e não se sabe, se vai ser ou se chegará a ser votado.

Caso ele seja aprovado no Senado, ainda precisa do aval da Câmara e da sanção presidencial.
Em tempos difíceis e de cofres com Orçamento apertado, é praticamente impossível que o governo libere esse pagamento extra no fim do ano.
O que significa que aposentados e pensionistas, terão seus Orçamentos reduzidos para dezembro, sem o salário extra.

O INSS por sua vez, nunca cogitou e nem poderia, pagar um abono extra de R$ 2000,00 para as pessoas seguradas pela Autarquia.
Não há dinheiro suficiente que pudesse cobrir, um benefício dessa magnitude.
No caso do 14º se acontecesse, ele é pago no valor do salário que a pessoa recebe.
E não seria uma bonificação extra, no valor de R$ 2000,00.

A Reportagem do Informe Franca, entrou em contato com o INSS e com Ministério da Economia.
Ambos garantem que neste momento, não existe espaço no Orçamento para qualquer abono ou salário extra.

Com isso, fica mais uma vez reforçado que as pessoas não devem acreditar, em todas as informações publicadas na internet.
Especialmente aquelas que podem induzir a Fake News, e que são compartilhadas na página de pesquisas ou na página inicial do navegador Google Chrome.
Uma grande briga entre as autoridades e a gigante da tecnologia, é que o Google permite por meio de anúncios, os sites deixarem as manchetes no seu navegador.
O que induz as pessoas a crer, que aquilo seria verdade.
Mas, 99% do que está ali na tela do Google para ser clicado, tem o objetivo de levar a pessoa ao site para dar ao mesmo uma monetização.
A informação é inverídica!