Olhos da Verdade – Novo livro de Guilherme Kalel tem personagem Jornalista deficiente visual, no centro de uma investigação de assassinato no Reino Unido

Historia ainda terá focos em romance e mensagem de superação de capacidades

Por Mariana Novacki

Informe Franca – 14/08/2020 | 19h21

O Jornalista Guilherme Kalel, Editor e Fundador do Informe Franca, anunciou nesta sexta-feira, 7, seu novo livro de trabalho.
A historia receberá o nome “Olhos da Verdade”, e será publicada em setembro para comercialização.
O livro será feito em dois formatos, áudio ou Aplicativo Digital para Android.
O leitor pode escolher, a forma que melhor se encaixa no que busca ou prefere.

O livro entra em pré-venda, a partir da semana que vem, 18 de agosto.
E seguirá com as vendas antecipadas até o dia 5 de setembro.
O lançamento será na segunda quinzena do mês, em data ainda a ser definida pelo Jornalista.

Diferente do que faz habitualmente em seus lançamentos para comercialização, Guilherme Kalel anunciou o novo livro num link especial, no site de sua marca oficial.
O Jornalista também falou a Reportagem do Informe Franca, sobre o lançamento.

O livro vai contar a historia do Jornalista britânico Oliver Kenon, personagem fictício.
Mas que é deficiente visual, em busca de seu espaço no mundo.
Filho de um renomado advogado, Oliver não quis seguir os passos do pai e preferiu ser Jornalista, por sempre gostar de escrever desde pequeno.
Mas seu caminho não foi fácil, desacreditado pelos grandes jornais de Londres pelo fato de não enxergar.
Depois de lançar um Blog, é que ele começa a ter notoriedade.
O Jornalista fica no centro das atenções, quando uma Parlamentar é assassinada.
Kenon, descobre que ela estava na mira de gente perigosa, e decide investigar e publicar a historia.
A medida que ele mergulha nesse universo, também se envolve romanticamente com Carolina Beatrice.
A personagem é Assessora da Parlamentar morta, e quem também presta grande papel nas publicações do Jornalista referentes a trama que investiga.
O livro, vai buscar três linhas, informou o Autor.
A primeira, falar sobre o assassinato de Kathia Berg, cercado de mistérios e perguntas a serem respondidas.
A segunda linha vem na nuance do romance, a partir da construção da historia de amor impactante entre Carolina, de casamento marcado, e Oliver, que vem para mudar seu destino.
Já no terceiro ponto a ser abordado, vem a questão do preconceito pelo fato do personagem ser deficiente visual.

Esquenta
O livro vai ter, uma pré-estreia, para dar um gosto de quero mais nos leitores, antecipou Kalel.
A data da divulgação não foi revelada, mas ele promete ser em breve.
Serão 3 capítulos especiais, que relatam pontos antes do livro efetivamente começar.
Iniciando na infância de Kenon e evoluindo rapidamente para a sua vida adulta.
O livro em si, já se inicia com a morte de Kathia Berg, antecipou.
O que quer dizer, que nos capítulos divulgados ao público, as pessoas poderão conhecer um pouco da historia anterior do Jornalista e sua caminhada até o ponto de início do livro.

O título, “Olhos da Verdade”,, é referente ao Blog lançado por Kenon, que tem este nome.
O nome do Blog é sugestivo, já que é feito por um deficiente visual.
Os capítulos de pré-estreia, serão publicados de forma Online em texto, para todos lerem se desejar.
Já o livro em si, lançado em setembro, somente para quem fizer a compra.
Este livro, não estará incluso nesse momento, no pacote de assinaturas da Ogloteca.
O que quer dizer, que mesmo os assinantes do Informe Franca que desejarem, terão de adquirir o Texto.

Os valores e maiores detalhes de compra, serão divulgados na semana que vem.
As vendas serão realizadas via Telegram ou Whatsapp.
Os pagamentos poderão ser feito por boleto, cartão de crédito ou transferência eletrônica.
As formas habituais de vendas do Informe Franca.
É importante salientar que,
o livro terá parte de sua arrecadação, revertida ao projeto Somos Raros, do Instituto Melissa Elisa de Projetos Sociais,
que ajuda a comprar medicamento Sorilis, a pacientes de HPN.
Guilherme será um dos beneficiados pela compra, já que faz uso da medicação.
Recentemente, ele precisou fazer um ajuste nas doses, e agora terá de tomar Sorilis semanalmente,
por isso é crucial que consiga vender os livros, para a manutenção de seu tratamento.
Além de comprar sua medicação, os recursos arrecadados com o livro ainda ajudam outras 5 pessoas, que estão sendo atendidas pelo projeto.

HPN – Hemoglobinúria Paroxística Noturna
é uma condição de saúde em que os glóbulos vermelhos do sangue são destruídos, deixando a pessoa sem mecanismos de defesa.
O paciente tem uma série de complicações, dentre elas a anemia hemolítica, que Kalel possue hoje.
Além disso, é comum haver quadros de coagulopatias, que podem se agravar e evoluir a morte.
Para tratar a doença, só existe um medicamento disponível no mercado mundial, a Sorilis.
Importada, cada dose da medicação custa R$ 28,5 Mil, na conversão direta, hoje.
Cada paciente, usa uma média de 4 a 8 doses da medicação por mês, em casos mais raros é preciso uma dosagem ainda maior.
O medicamento não é fornecido pelo governo, sem um pedido judicial.
E nem todos que tentam, conseguem o acesso a medicação por esta via.
O Instituto Melissa Elisa de Projetos Sociais, que é controlado pelo Informe Franca, atua também atendendo a esses pacientes,
além de plano de saúde, oferta a eles o medicamento Sorilis.
16 pessoas eram atendidas pelo projeto, 15 pacientes mais Guilherme Kalel.
Mas, 10 pessoas destas perderam suas vidas, de março a agosto, infectadas pela Covid-19.
A doença, é fatal na maior parte dos casos de contaminação, exatamente porque o paciente está sem defesas no organismo.