Funeral de criança com HPN morta por Covid-19 ocorre hoje em São Paulo

Por Mariana Monary

Informe Franca – 12/08/2020 | 7h

A partir das 8 da manhã desta quarta-feira, 12 de agosto, será velada no Cemitério Gethsêmani em São Paulo, a pequena Maria Clara Corsi.
Aos 7 anos de idade, diabética e portadora de Hemoglobinúria Paroxística Noturna, ela morreu as 16h desta terça-feira, 11, vitimada pela Covid-19.

Maria Clara, era um dos símbolos da HPN dentro do Instituto Melissa Elisa de Projetos Sociais.
Desde muito antes, ela vinha sendo ajudada pelo Presidente Fundador do Informe Franca, Jornalista Guilherme Kalel.

“Maria Clara, era uma criança encantadora e lutadora que nunca desistiu”, escreveu o Jornalista em comunicado nesta terça-feira.
A menina descobriu a Covid-19 em 18 de julho, e chegou a ficar internada por 5 dias.
Depois de ter alta e voltar para casa, continuou o isolamento domiciliar.
Na semana passada, ainda com o Vírus, ela foi levada ao hospital pela mãe, após apresentar pioras.
Com febre alta e falta de ar, Maria foi hospitalizada em 4 de agosto.
A pequena chegou a ficar internada desde então, mas não resistiu.
Ela faleceu no Hospital Samaritano, nesta terça-feira.

O funeral, acontecerá a partir das 8 da manhã hoje, no cemitério Gethsêmani em São Paulo.
O sepultamento ocorrerá no mesmo lugar, as 11h.
O Informe Franca tem prestado solidariedade e apoio a família.
O Instituto Melissa Elisa, está fornecendo o funeral para a pequena.
A Presidente do Instituto, Jornalista Ester Marini, estará no velório em São Paulo.
Ela também vai representar Guilherme Kalel, que gostaria de estar presente no entanto não pôde.
O Jornalista também está infectado, desde 19 de julho, com o novo Coronavírus.
Assim como Maria Clara, Kalel é diabético e tem HPN, fora outras doenças que tornam seu caso ainda mais complicado.