STF manda soltar Alexandre Baldy

Por Carolina Winter

Informe Franca – Brasília – 08/08/2020 | 7h

O Ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, acatou pedido de Habeas Corpus, e mandou soltar o Secretário de Transportes licenciado de São Paulo, Alexandre Baldy.
Preso na quinta-feira, 6, por uma operação da Polícia Federal no âmbito da Lava Jato do Rio.

Baldy é acusado de receber propinas de empresas de saúde do Rio, durante os anos de 2014, quando foi Secretário de governo em Goiás,
e de 2016 a 2018, quando foi Ministro no governo Michel Temer.

A ordem de prisão, veio do Juiz Federal Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato fluminense.
Mais cedo nesta sexta-feira, a defesa de Baldy tentou um Habeas Corpus no Tribunal Regional Federal do Rio, mas não obteve sucesso.
O recurso foi então subido ao STF, e acatado por Gilmar Mendes.

Desde que preso na quinta-feira, Alexandre Baldy se licenciou do governo de São Paulo, onde era Secretário de Transportes Metropolitanos, para se dedicar a sua defesa.
O governador de SP, João Doria, frisou que a prisão de Baldy, nada teve a ver com suas atitudes no governo estadual,
e que espera que ele possa esclarecer as dúvidas da Justiça no processo.