Penitenciária de Franca tem presos com Covid-19 e servidores afastados por doença

Por Guilherme Kalel

Informe Franca – 04/08/2020 | 13h52

A Penitenciária da cidade de Franca, possue 3 presos com Covid-19, e um 4º que testou positivo para a doença, mas que foi curado.
A informação consta em nota oficial da Secretaria de Assuntos Penitenciários do Estado de São Paulo, responsável por administrar o local.
A nota, foi modificada no que se refere a outro documento, divulgado pela Secretaria em 20 de julho, quando segundo a Pasta, não haviam casos.

Agora, são 3 presos que foram contaminados e estão afastados de demais detentos, e um outro que se recuperou da doença, totalizando 4 casos entre os detentos.
Além disso, 14 servidores do local tiveram a Covid-19, e foram afastados de suas atividades.
7 deles ainda estavam contaminados, até a publicação desta reportagem e permaneciam afastados de seu trabalho.

A Penitenciária de Franca, funciona hoje com 201% de sua capacidade.
E foi inaugurada em 2010, para ser um CDP, Centro de Detenção Provisória.
O local foi transformado em presídio em 2017, através de um decreto do então governador Geraldo Alckmin.
Mas já naquela época, havia um problema recorrente nas cadeias do Brasil.
A superlotação de pessoas.