Mulher de 63 anos espera mais de 48h por vaga na Santa Casa

Por Tayla Vieira

Informe Franca – 28/07/2020 | 7h

Uma idosa de 63 anos é a mais nova vítima do descaso da saúde pública em Franca.
Desde domingo, ela está no Pronto Socorro, aguardando uma vaga de internação na Santa Casa de Franca.

Com problemas nos Rins, ela deu entrada no Pronto Socorro Municipal, onde realizou 3 testes para Coronavírus.
De acordo com a família, os testes deram negativo para a doença, mas mesmo assim ela é mantida no meio de pessoas contaminadas.

A Santa Casa de Franca, não forneceu a vaga para que a idosa fosse transferida para ser atendida no hospital,
e a família vive um impasse, há mais de 48h.
A Santa Casa informou, que a vaga é de responsabilidade da Central de Regulação do Estado de São Paulo,
que por meio de nota, revelou não ter qualquer solicitação para a paciente.
Uma ficha para ela foi aberta no sistema na data de entrada no PS, mas foi fechada no mesmo dia.
A Central não revela, a motivação ou o que foi prescrito na ocasião.

A Secretaria Municipal de Saúde de Franca, disse por meio de nota que tenta conseguir um leito de hospital para receber a idosa, mas que até a publicação desta reportagem,
esta procura não havia sido atendida.
Os hospitais, de Franca e da região, estão sobrecarregados por conta dos casos de Covid-19, a prioridade nesse momento nos atendimentos.
O que tem deixado a família da idosa indignada e preocupada ao mesmo tempo, com toda a situação.