Doria prorroga quarentena em SP até 28 de junho

Por Mariana Novacki

Informe Franca – 10/06/2020 | 15h

O governador de São Paulo João Doria, prorrogou mais uma vez a quarentena no estado, em vigor desde 23 de março.
Agora o novo prazo é até 28 de junho, a contar de segunda-feira, 15.
João Doria disse que as medidas são necessárias para conter o avanço do Coronavírus.
O estado é o epicentro da doença no país, e tem aumentado cada dia mais o número de mortos e infectados.

Muitas regiões sofreram flexibilização na quarentena como uma retomada gradual de atividades.
Mas, nas regiões de Ribeirão Preto e Presidente Prudente, interior do estado,
essas medidas voltarão a ser enrijecidas.
Nas cidades, o número de casos que aumentou nos últimos dias junto a retomada gradual de atividades, fez Doria reclassificar suas regiões.
Com elas voltando para a fase 1 vermelha, somente serviços essenciais são permitidos.
Isso quer dizer que o setor comercial, deve voltar a fechar suas portas.

Não é certo porém, que a medida seja levada a sério pelos prefeitos.
Que tem criticado o governador na forma como ele vem conduzindo o isolamento social.
Os comerciantes e demais membros das cidades também, tem violado as regras desde que a quarentena esteve no seu período de terceira prorrogação, em maio.
Esta é a 5ª prorrogação que o estado tem, de quarentena determinada pelo governador.

Se em partes do interior São Paulo retrocede, no litoral ela avança.
A baixada Santista vai poder reabrir o comercio, a partir da semana que vem, ao entrar no novo decreto de Doria, na fase 2, laranja.
A mesma fase que estavam as cidades que agora foram reclassificadas.