Procuradoria denuncia Deputado Arthur Lira por propinas de R$ 1,6 Milhões

Por Guilherme Kalel

Informe Franca – 06/06/2020 | 7h

O Deputado Arthur Lira, líder do PP e dos partidos denominados de Centrão, no Congresso, foi denunciado pela Procuradoria-Geral da República nesta sexta-feira, 5.
A denúncia foi feita no Supremo Tribunal Federal, no âmbito da operação Lava Jato.
Lira é acusado de ter recebido propina no valor de R$ 1,6 Milhões, para interferir em favor da construtora Queiroz Galvão, em contratos com a Petrobras.
Além de Lira, outras pessoas foram também denunciadas na ação, que corre no Supremo por causa do foro privilegiado do Parlamentar.
Lira, é um dos líderes mais articuladores do PP, e também tem se aproximado muito do Presidente Jair Bolsonaro.
É nos bastidores, pré-candidato a Presidente da Câmara, para substituir Rodrigo Maia no ano que vem.

A defesa do Parlamentar, disse em nota que a denúncia não se sustenta,
pois é baseada em delações de mentirosos.
O que originou as investigações, foram delações que partiram de um dos principais delatores da Lava Jato, o doleiro Alberto Youssef.