“Esse cego de merda nem vai ver de onde a bala o acertaria, ou seria uma facada” – Apoiadores de Jair Bolsonaro ameaçam Guilherme Kalel em mensagem direta ao Informe Franca

Por Lívia Tomazelli

Informe Franca – 29/05/2020 | 18h38

O Jornalista Guilherme Kalel, Editor e Fundador do Informe Franca, sofreu uma ameaça velada a sua vida nesta sexta-feira, 29.
A ameaça foi registrada via e-mail e encaminhada a Central do Informe Franca.
No texto, o autor acusa Kalel de perseguição a um governo sério e um Presidente honesto e trabalhador,
e diz ainda que Bolsonaro vai acabar, com essa imprensa contadora de mentiras.

Trecho da mensagem vai além, e diz que apoiadores do Presidente estão prontos para fazer Justiça quando forem chamados.
E que Guilherme Kalel, por não enxergar, seria alvo fácil.
“Esse cego de merda nem vai ver de onde a bala vai o acertar, ou seria uma facada”, diz o e-mail.
Vale salientar que em 2018, Jair Bolsonaro foi alvo de um atentado a faca, durante a campanha presidencial.
Ele sobreviveu ao ataque e seu atacante foi preso, e denunciado como uma pessoa com problemas de insanidade.
Por isso, nunca foi julgado como criminoso comum ou condenado a penas mais restritivas.
O autor da facada está num manicômio judicial.
Teorias de Bolsonaro e apoiadores, são de que ele foi contratado por partidos de esquerda para mata-lo, e impedir que vencesse as eleições.

O Informe Franca publicou nota nesta tarde, repudiando a mensagem.
“O Jornalista Guilherme Kalel ou qualquer outro membro da equipe,
não pode ou podem, ser vítimas de ataques de pessoas desconectadas com a realidade.
Todos possuem direito a liberdade e a expressão, e o Informe Franca se mantém no direito e no compromisso de trazer verdade aos fatos, atinjam a quem atingir.
Guilherme Kalel, nada tem a ver com atentados contra o Presidente Jair Bolsonaro.
Tanto que a época foi um dos poucos Jornalistas a escrever artigo que condenaram o ataque.
O Jornalista contudo, não se refuta a se esconder dos fatos que colocam o Brasil em rota de colisão hoje.
Kalel, não faz parte de nem um partido de esquerda ou é esquerdista de natureza.
Tanto que foi favorável ao Impeachment de Dilma Rousseff, em 2016.
Mas também é favorável ao Impeachment de Bolsonaro, que em meio a crimes, hoje não mais é apto a governar o Brasil.”

A nota do Site ainda prossegue, dando mais detalhes.
“O Informe Franca e seu Fundador, não temem a divulgação dos fatos.
E não vai ser esta a primeira e nem a última, mensagem ameaçadora que o Jornalista ou a Equipe recebe, ou recebem.
O trabalho exige que, a verdade seja demonstrada, e estamos diretamente conectados a ela.”

O Informe Franca também garante, que o e-mail será encaminhado as autoridades competentes, e que espera celeridade nas apurações.
“Diante ao exposto presente, comunicaremos as autoridades federais para que cuidem desta ameaça cibernética.
O Informe Franca espera que seja o caso, tratado com a seriedade merecida.
E que neste sentido a polícia não arquive o caso sem uma solução.”

O Jornalista Guilherme Kalel de maneira pessoal, também se manifestou sobre a mensagem.
“Qualquer pessoa que ameace a vida de outro, por conta de ideologia ou de questões políticas, não sabe viver em democracia.
Aqui temos o direito de falar, e as pessoas em ler ou não, o que falamos.
Temos nossa opinião e jamais iremos nos refutar a omiti-la, doa a quem doer.
Podem ameaçar a minha vida, mas tenham a certeza de que o braço da Lei, é maior e mais forte do que qualquer braço virtual de ataques”, escreveu.

A mensagem direcionada a Kalel, foi encaminhada pelo e-mail de contato do Informe Franca, as 15h50 da tarde desta sexta-feira.
Após o Portal, veicular um artigo de opinião sobre a promíscua relação entre Bolsonaro e o PGR Algusto Aras.